[ Turismo ]

Federações brasileiras e golfistas elogiam Aquiraz Riviera
29/8/2013 - 15h33

Golfistas profissionais e amadores e dirigentes de várias federações e clubes brasileiros de golfe não têm dúvidas em afirmar que o campo do Clube de Golfe do Aquiraz Riviera, no Ceará, o primeiro do Estado com 18 buracos, tem todas as condições para se tornar num dos melhores do Brasil. O campo é um dos maiores do Nordeste, ocupando 90 hectares, num total de 7.322 jardas e representa um investimento total de cerca de R$ 14,5 milhões.

"Este será, sem dúvida, um campo de padrão internacional. É um campo muito difícil e bastante desafiador", afirmou o golfista profissional Carlos Santos, de Brasília, no final da sua participação no 3º Torneio Interclubes do Norte/Nordeste, que se realizou no último final de semana, no campo do Aquiraz Riviera, no município de Aquiraz, a 35 quilômetros de Fortaleza, capital do Ceará. Foi a primeira vez que Carlos Santos jogou em Aquiraz: "A primeira impressão é maravilhosa. Gostei bastante de jogar aqui. Sempre que realizarem provas me convidem que virei com prazer ao Ceará", disse o golfista braziliense, que, no torneio, foi vice-campeão na categoria profissional.

O campo de golfe do Aquiraz Riviera faz parte de um empreendimento turístico e residencial, com um resort de luxo de frente para a praia – o Hotel Dom Pedro Laguna, de cinco estrelas – e lotes de terreno, também com vista para o mar, para quem deseja uma casa num ambiente paradisíaco, com tranquilidade e segurança, seja como residência permanente (para quem trabalha em Fortaleza) ou como casa de veraneio.

Mário Rios, presidente da Federação Pernambucana de Golfe, diz não ter "dúvida nenhuma que o Aquiraz Riviera estará entre os 10 melhores campos do Brasil". E explica: "O Aquiraz Riviera já estava no circuito nacional do golfe mesmo com 9 buracos por conta da qualidade do campo, do hotel, do receptivo. Por tudo isso já é um campo bastante conhecido no Brasil. Agora com os 18 buracos, e a segunda parte do jogo muito mais desafiadora do que a primeira, o campo está mais equilibrado. Assim o campo torna-se atrativo não só aos amadores de handicap alto, com os de handicap baixo e até profissionais que jogam dentro e fora do Brasil. Desde o dia da inauguração do campo com 9 buracos até hoje sempre se manteve com qualidade nota 10."

A Federação Baiana e Capixaba de Golfe participou pela segunda vez Interclubes Norte/Nordeste, desta vez com três equipes e 18 jogadores. O seu presidente, Bruno Tariant, é outras das vozes elogiosas para com o Aquiraz Riviera: "É um campo desafiador. Acredito que, no futuro, serão feitas algumas modificações para adaptar o campo às condições de jogo para os golfistas com handicap mais alto, ou seja, aqueles que estão começando a jogar golfe. Para quem já tem muita experiência é um campo muito atrativo. Com certeza irá se tornar um dos maiores campos do Nordeste."

Manoel Barros, golfista que esteve no Ceará representando a Federação do Pará, considera que a sua participação no 3º Torneio Interclubes Norte-Nordeste foi "uma boa experiência" num campo que, em sua opinião, "será um dos 10 melhores campos do Brasil, tanto no padrão técnico como em beleza". Para Manoel Barros, o campo do Aquiraz Riviera "é um grande desafio" quando comparado com outros campos onde já jogou: "É um campo muito difícil, mas muito bonito também".

Antônio de Aracoeli, presidente do Clube de Golfe Águas da Serra, no Estado da Paraíba, também amou o primeiro "green" de padrão internacional do Ceará. "Muita gente vai procurar o Aquiraz Riviera porque jogar neste campo é desafiador", adiantou.

O golfista inglês David Hunt, que está radicado em Pernambuco, afirma conhecer "vários campos em todo o Brasil e noutros países", não tendo dúvidas em considerar que o campo do Aquiraz Riviera "tem qualidade de alto nível, com excelentes condições de jogo". Além disso, destacou que o campo "está visualmente muito bem cuidado", sendo servido por "uma boa organização e serviços de alta qualidade, muito superiores a qualquer outro campo do Brasil."

O golfista João Cutini do Espírito Santo, não tem dúvidas que "o campo do Aquiraz Riviera irá disputar lugar com os melhores do Brasil". O português Carlos Gomes, que também participou no 3º Torneio Interclubes Norte Nordeste, considera que o Aquiraz Ribiera "é, sem dúvida, é um campo excelente, que ainda tem a vantagem de estar integrado num resort de qualidade excepcional".

Para Jorge Chaskelmann, diretor do Aquiraz Riviera, "o campo eleva o Ceará a um importante patamar dentro da modalidade no Brasil", contribuindo para o desenvolvimento turístico e econômico do Estado.

 
Empresa especializada em golfe. Mais de 20 anos no mercado
Clique aqui e conheça
SIMON PRESS
Assessoria de Comunicação em
esporte, saúde, empresas, eventos. Revistas, catálogos e sites.
 Minigolfe
Locação e eventos
(11) 2280-4962
 Consultoria
Palestras em escolas e empresas (11) 2280-4962
 LEI DO INCENTIVO
Projetos e Gestão - Simon Comunicação
(11) 2280-4962
Anuncie em Golfexpress
(11) 2280-4962